quinta-feira, 8 de agosto de 2019

Estudo de interacção entre a avifauna e a rede elétrica de média tensão de Terceira

Durante esta semana a SPEA Açores e a EDA (Eletricidade dos Açores) deram início a um projecto de estudo que busca reduzir o impacto das linhas elétricas na mortalidade de aves na rede de transporte e distribuição da linha elétrica na ilha Terceira. Entre os dias 5 e 7 de agosto foram realizadas reuniões de trabalho para o planeamento do respetivo estudo, que terá a duração de dois anos.



No decorrer deste estudo serão identificados os pontos críticos de incidência de colisão e electrocução de aves nas linhas elétricas. Também serão realizadas estimativas de densidade e de distribuição de espécies de aves potencialmente afetadas pelas linhas elétricas na ilha Terceira. Estes estudos visam o levantamento de informações úteis para a elaboração de medidas para minimizar os acidentes entre linhas elétricas e a avifauna nesta ilha.



Esta colaboração entre a SPEA Açores e a EDA é uma importante iniciativa para mitigar e diminuir impactos de atividades humanas sobre a avifauna nos Açores. Entre as diferentes espécies que têm registo de acidentes com linhas elétricas estão o milhafre (Buteo buteo rothschildi) e o pombo-torcaz (Columba palumbus azorica), o estorninho-malhado (Sturnus vulgaris granti), três das subespécies endémicas dos Açores, o pombo-das-rochas (Columba livia) e a rola-turca (Streptopelia decaocto).

Sem comentários:

Publicar um comentário