quinta-feira, 22 de setembro de 2022

Dia Internacional da Limpeza Costeira celebrado na praia de Santa Barbara

Em parceria com o ExpoLab e a Fundação Oceano Azul, o Centro Ambiental do Priolo dinamizou uma limpeza costeira na praia de Santa Barbara nos dias 20 e 21 de setembro.





 

Com ajuda de mais de 150 alunos de várias escolas da Ribeira Grande, foi possível recolher mais de 50 kg de lixo.





quarta-feira, 21 de setembro de 2022

BirdRace Açores 2022 pela redução do Lixo Marinho

Como em anos anteriores, a SPEA junta-se ao Website Aves dos Açores para a realização da BirdRace Açores 2022, no Fim-de-Semana Europeu da Observação de Aves - 01 e 02 de outubro. Este ano, esta iniciativa alia-se ao projeto Oceanlit e surge com uma mensagem nova para as equipas participantes,  advocando pela redução do Lixo Marinho para a proteção das Aves Marinhas dos Açores e pela campanha #MudarPorUmOceanoMaisAzul.


A BirdRace Açores 2022 é  uma competição por equipas (até 3 elementos) a quem se pede o registo do máximo de espécies de aves observadas na região durante o primeiro fim-de-semana de outubro, promovendo assim a observação de aves no arquipélago. As equipas vencedoras serão premiadas com um Voucher no valor total de 60 euros para compras a efetuar na loja online SPEA. Serão atribuídos, ainda, vouchers de desconto para os vencedores por ilha. 

Em 2022, e fruto das ameaças cada vez maiores que enfrentam as Aves Marinhas, a organização da BirdRace Açores aliou-se ao projeto Oceanlit. Este projecto decorre em toda a Macaronésia e tem como objetivos conhecer , gerir e aumentar a sensibilização das comunidades e públicos especificos sobre o  problema do Lixo marinho. Assim, a organização pede a colaboração dos participantes para a recolha de qualquer resíduo sólido ou lixo que encontrem ao longo dos seus percursos ou pontos de observação durante  este evento. 

As inscrições das equipas são gratuitas e devem ser realizadas através do preenchimento de um formulário online e não dispensam a leitura do regulamento do concurso. Outra novidade este ano, trata-se da comunicação entre as equipas e a organização através de um grupo facebook para comunicarem e partilharem as suas experiencias ou dúvidas caso eles surjam. Este evento já contou com a participação de mais de 50 equipas de várias ilhas dos Açores e a organização espera contar com adesão de equipas em várias ilhas. 

A SPEA deseja a todos boas observações a todas as equipas e agradece o seu contributo tanto para o aumento dos registos da observação de aves nos Açores mas também pela redução de lixo em áreas propicias para a realização da atividade.

quinta-feira, 8 de setembro de 2022

Comissão Europeia visita áreas do LIFE IP Azores Natura

No âmbito da visita de monitorização da Comissão Europeia ao projeto LIFE IP Azores Natura, coordenado pela Secretaria Regional do Ambiente e Alterações Climáticas e do qual a SPEA é parceira, recebemos nas áreas de intervenção do projeto uma comitiva dos parceiros do projeto e representantes da CINEA - Agencia Europeia para o Clima, Infraestruturas e Ambiente e da NEEMO, empresa que monitoriza os projetos LIFE.

Na segunda-feira, 5 de setembro, após paragem na Lagoa do Fogo onde visitaram uma outra área de intervenção do projeto, a comitiva visitou os viveiros de Plantas Nativas dos Açores, em Santo António Nordestinho. Neste espaço, essencial para a produção de plantas nativas dos Açores utilizadas no restauro de habitats prioritários, tiveram oportunidade de ver as 30.000 plantas em climatização e prontas para esta época de plantação. O grupo ficou também a conhecer os métodos de produção utilizados, os problemas associados à produção de plantas selvagens, as infraestruturas necessárias e o novo sistema de seguimento da produção desde a semente até à colocação da planta no terreno.




Também visitaram a nova oficina de carpintarias, onde estão a ser construídos e pré-fabricados os passadiços que serão instalados no trilho ao Pico da Vara, dentro da ação C14.2 para a minimização do impacto do turismo no trilho pedestre. Estes passadiços, construídos em madeiras endógenas e madeira tratada, serão pré-fabricados nesta oficina, e, posteriormente, levados para o trilho do Pico da Vara, onde será feita a montagem final. Os passadiços têm como objetivo aumentar a segurança e reduzir os efeitos do pisoteio na vegetação numa área tão sensível, como é o caso do acesso ao Pico da Vara.





Finalmente, visitaram a área de intervenção da Mata dos Bispos, onde puderam ver os resultados de projetos LIFE anteriores e as intervenções mais recentes no âmbito do projeto LIFE IP Azores Natura, para a recuperação de florestas de Laurissilva Mésica e para a recuperação de linhas de água através da remoção de espécies exóticas invasoras, estabilização do solo com engenharia natural e a plantação de espécies nativas.


Na terça-feira, 6 de setembro, a visita decorreu na ilha de Santa Maria onde visitaram o Ilhéu da Vila e puderam ver os ninhos artificiais instalados para as várias espécies de aves marinhas que lá ocorrem e outras ações de restauro do habitat desenvolvidas entre os parceiros do projeto.    



Posteriormente, ainda foram visitadas outras áreas em que foram desenvolvidas ações de restauro de habitats e espécies prioritárias, realizadas pelo Parque Natural de Santa Maria no âmbito deste projeto, que visam melhorar a implementação das diretivas europeias de conservação das aves e dos habitats e da Rede Natura 2000 nos Açores. 



quinta-feira, 25 de agosto de 2022

Poluição Luminosa em destaque no mês de setembro

Há semelhança do que se passou o ano passado,  a SPEA volta a lançar a Campanha #ApagueUmaLuzSalveUmaAveMarinha. Esta pode ser seguida online na página de facebook SPEAAçores -Centro Ambiental do Priolo e pretende sensibilizar a população em geral sobre esta que é uma ameaça silenciosa ainda muito desconhecida.

Foto Céu Noturno dos Açores. Autor Pedro Silva

Esta integra uma das ações de sensibilização dos projetos INTERREG MAC EELABS e LIFE Natura@Night, a decorrer na Macaronésia, e cujo principal foco é a Poluição Luminosa e a redução dos seus impactos negativos sobre a diversidade.  


Acompanhe semanalmente a nossa página de facebook e descubra de que se trata a Poluição Luminosa, quais os seus impactos na biodiversidade e como pode fazer parte da solução para este problema ambiental. Pode começar já hoje, basta que #ApagueUmaLuzSalveUmaAveMarinha. 



Centro Ambiental do Priolo tem novo técnico de Educação Ambiental

Psicólogo de formação e mestre em Psicologia Aplicada, Rui Teixeira é um apaixonado pela natureza, especialmente por aves, e já colaborou em vários projetos de ciência cidadã da SPEA como o CAC, os dias RAM, o projeto Arenária e o Atlas de Aves Nidificantes.

Não é portanto de admirar que ele tenha demonstrado de vontade de trabalhar na conservação da natureza, desejo que se concretizou na oportunidade de trabalhar no Centro Ambiental do Priolo, onde pode utilizar a sua formação na vertente de educação ambiental e comunicação de ciência.

O Rui integra a equipa do Centro Ambiental do Priolo, recentemente integrado na Rede de Centros de Ciência dos Açores como centro associado, e ficará responsável pela realização de ações de sensibilização e comunicação de ciência para a população local e visitantes.

Para além disso, o Rui irá colaborar no desenho e implementação do Programa Escolar deste centro, organizando junto das escolas da ilha e da Região Autónoma dos Açores atividades experimentais e práticas que aproximem os alunos às Ciências do Ambiente e permitam criar um espírito crítico que promova comportamentos mais sustentáveis.

Bem vindo à SPEA Rui!

quinta-feira, 11 de agosto de 2022

Inventário de lepidópteros noturnos na Graciosa

As nossas colegas da SPEA Açores, Alba e Yasmin, estiveram recentemente a fazer trabalho de campo na maravilhosa ilha branca, a ilha da Graciosa.

Foto: Yasmin Redolosis

Foto: Pedro Raposo

Os trabalhos foram realizados de 18 de Julho a 5 de Agosto e tiveram o apoio do Serviço de Ambiente e Alterações Climáticas da Graciosa e da Câmara Municipal de Santa Cruz de Graciosa.

Foto: Yasmin Redolosis

Em que consistiu este trabalho? Foram feitos um total de 14 pontos de amostragem para realizar um inventário das comunidades de insetos noturnos da rede Natura 2000 nesta ilha, como parte do projeto LIFE Natura@night.

Foto: Alba Villarroya

Em todas as noites em que foram feitas as amostragens, das 21:00 às 13:00 e de preferência durante o período de lua nova, foram usadas duas metodologias recomendadas pelo Prof. Virgilio Vieira, especialista em lepidópteros (principal ordem de insetos estudados neste projeto), nomeadamente a utilização de uma armadilha luminosa (FOTO_1) e o winerope para atrair espécies endémicas. (FOTO_2).



Fotos: Yasmin Redolosis

Atualmente, no laboratório de Santo António de Nordestinho, estamos a fazer triagem e a identificar as espécies a partir das amostras e a preparar a montagem de alguns indivíduos em coleções entomológicas.

O projecto LIFE Natura@night visa reduzir a poluição luminosa nas áreas protegidas dos arquipélagos da Macaronésia. Ao trabalhar com as autoridades locais, os pescadores e a comunidade para reduzir a poluição luminosa, estaremos também a implementar uma iluminação mais eficiente, contribuindo para uma melhor gestão de recursos e combate às alterações climáticas.

Se quiser saber mais sobre este projecto: https://naturaatnight.spea.pt/

                                                              "Por uma noite com mais vida".

Foto: Alba Villarroya


SPEA Açores dá as boas vindas a Yasmin Redolosis

Yasmin Redolosis Pearce, a estagiar na SPEA Açores desde outubro 2020, é licenciada em biologia pela Universidade de Málaga e tem um Mestrado em Diversidade Biológica e do Meio Ambiente. 

A Yasmin juntou-se à SPEA Açores como estagiária do projeto "LIFE IP Açores Natura", participando em diversos trabalhos para a conservação da Floresta Laurissilva, tais como a recolha e produção de plantas nativas, manutenção e monitorização das plantas no viveiro e monitorização da vegetação no campo e testes de viabilidade e germinação de sementes no laboratório, entre outros.


Colaborou também noutros projetos dentro da SPEA Açores, tais como a campanha SOS Cagarro, trabalhos do estudo de interação entre as aves e as linhas elétricas de média tensão nas ilhas de São Miguel e Terceira,  apoiou a criação do Herbário Comunitário e participou em vários censos que são realizados ao longo do ano, como por exemplo o projeto ARENARIA, RAM, Censo de milhafres e Censo de aves comuns (CAC).

Desde Julho de 2022 que Yasmin passou a fazer parte da equipa do projeto LIFE Natura@night onde assume as funções de Técnica de Conservação. Neste projeto pretende-se estudadar os impactos da poluição luminosa na biodiversidade. Este é um projeto inovador que visa reduzir a poluição luminosa que afeta as áreas protegidas dos arquipélagos da Madeira, Açores e Canárias, e mitigar os seus impactos nas espécies protegidas a nível da UE.

A SPEA Açores dá as boas vindas à Yasmin e espera que o trabalho e funções que ela assume neste novo projeto lhe tragam muita satisfação pessoal e profissional.